Vereador Orlando de Amadeu é derrotado pela segunda vez; justiça mantem liminar a favor de Eduardo Alencar

with Nenhum comentário

O presidente da Câmara de Vereadores de Simões Filho, Orlando de Amadeu foi derrotado pela segunda vez em menos de uma semana, no que se refere a votação das contas do ex-prefeito e deputado estadual, Eduardo Alencar.

Após entrar com um Agravo de Instrumento contra a liminar que o obrigava a colocar as contas do ex-gestor em votação ainda neste mês de dezembro, sob pena de pagar multa diária no valor de R$ 5.000,00 Orlando de Amadeu voltou a sofrer derrota.

A desembargadora Pilar Célia, da Primeira Câmara Cível, TJ/BA, ao analisar o Agravo de Instrumento do então presidente da Câmara, manteve a liminar concedida pela Juíza de Simões Filho, Mabile Machado Borba ao deputado Eduardo Alencar.

A Desembargadora ainda demonstrou espanto com a demora e disse textualmente que “extrapolou o prazo estabelecido em lei”.

Para o vereador e líder da oposição, Sandro Moreira a decisão representa além de uma grande vitória para o seu grupo, a reafirmação de que a justiça está atenta às manobras irregulares feitas pelo presidente e seus aliados.

“Eu quero parabenizar a justiça baiana e simõesfilhense, nas pessoas da desembargadora Pilar Celia e da Juíza Mabile Borba pela rapidez e pela coerência com as quais foram julgados os processos.Também quero destacar o brilhante trabalho do nosso jurista, o advogado Clécio Lima, que conseguiu reunir todas as informações e provas necessárias de que Orlando estava agindo de maneira irresponsável e ilegal”, revelou Moreira.

Ainda segundo o vereador, basta agora aguardar que o presidente resolva cumprir o mais rápido possível a decisão da justiça, marcando sessão extraordinária para a votação das contas.

 

Deixe uma resposta